Bom dia, Segunda feira da 2ª semana do Tempo comum 1ª Parte, Santo Amaro.
Evangelho do dia (Mc 2,18-22)
Naquele tempo, 18os discípulos de João Batista e os fariseus estavam jejuando. Então, vieram dizer a Jesus: “Por que os discípulos de João e os discípulos dos fariseus jejuam, e os teus discípulos não jejuam?”19Jesus respondeu: “Os convidados de um casamento poderiam, por acaso, fazer jejum, enquanto o noivo está com eles? Enquanto o noivo está com eles, os convidados não podem jejuar. 20Mas vai chegar o tempo em que o noivo será tirado do meio deles; aí, então, eles vão jejuar. 21Ninguém põe um remendo de pano novo numa roupa velha; porque o remendo novo repuxa o pano velho e o rasgão fica maior ainda. 22Ninguém põe vinho novo em odres velhos; porque o vinho novo arrebenta os odres velhos e o vinho e os odres se perdem. Por isso, vinho novo em odres novos”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor !

Reflexão:

Nesta parábola Jesus está nos dizendo que tudo tem sua hora e o seu tempo, sendo assim não devemos ficar duvidando do poder de DEUS e nem comparando a nossa vida com a do próximo.
Precisamos saber que o nosso tempo não é o mesmo de DEUS.
Devemos entender que, oque não conseguimos resolver diretamente, temos que com fé entregar nas mãos do Senhor e confiar que tudo se resolverá da melhor forma possível.
Porque, quem se deixa ser guiado e ser conduzido pelas mãos do Altíssimo encontra o caminho certo e não fica no homem velho, pois através do batismo do Espírito Santo é ungido e recebe uma vida nova, vida santificada, vida consagrada, enfim se permanecer fiel e perseverante, na graça, terá sempre uma vida abençoada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *