Quinta-feira da 15ª semana do Tempo Comum

Evangelho (Mt 11, 28-30)

Naquele tempo, tomou Jesus a palavra e disse:
28 Vinde a mim todos vós que estais cansados
e fatigados sob o peso dos vossos fardos,
e eu vos darei descanso.

29 Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim,
porque sou manso e humilde de coração,
e vós encontrareis descanso.
30 Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

 

Reflexão:

Queridos irmãos,

A liturgia desta quinta-feira comum nos coloca diante da afirmação de Jesus de que Ele é o caminho seguro, o fardo leve e o coração manso capaz de nos colocar nos seus braços e nos aliviar as nossas dores e atribuições. Jesus tem o coração, cujo modelo, devemos assemelharmos a Ele. Ter um coração igual ao Jesus. Um coração manso e humildade que se inclina e se consola diante das dores de nossos irmãos.

É sempre bom sabermos que temos um coração que nos ama e nos quer consolar. É sempre bom saber que, é em Jesus que encontramos o repouso necessário. É sempre bom saber que em Jesus nossas dores e sofrimentos se transformam em alegria e salvação. Não é em vão tanta dor e sofrimento! Sempre depois da cruz vem a vitória, vem a ressurreição. É no profundo mistério de Deus que Jesus se deixa revelar. É nas tramas de nossas vidas que Jesus se proclama vitorioso e vencedor.

“Aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração”. É preciso ter um coração parecido ao coração de Jesus. É preciso entrar na escola de amor, cujo professor é Jesus, é o caderno é a vida, são as pessoas que amamos. É nas pessoas que amamos que escrevemos a trama de amor de nossas vidas. Matriculemo-nos, pois, na escola de Jesus. Com Ele aprendamos a amar, a ser na vida do outro, um outro cristo, no mundo. Assim seja. Amém.

Leandro Francisco da Silva, SDB

Pós noviço salesiano

leandrofsdb@yahoo.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *