Bom dia, Sexta feira da 4ª semana do Tempo quaresmal, Santa Eusébia.
Evangelho do dia (Jo 7,1-2.10.25-30)
Naquele tempo, 1Jesus andava percorrendo a Galiléia. Evitava andar pela Judéia, porque os judeus procuravam matá-lo. 2Entretanto, aproximava-se a festa judaica das Tendas. 10Quando seus irmãos já tinham subido, então também ele subiu para a festa, não publicamente mas sim, como que às escondidas.
25Alguns habitantes de Jerusalém disseram então: ‘Não é este a quem procuram matar? 26Eis que fala em público e nada lhe dizem. Será que, na verdade, as autoridades reconheceram que ele é o Messias? 27Mas este, nós sabemos donde é. O Cristo, quando vier, ninguém saberá donde ele é.’
28Em alta voz, Jesus ensinava no Templo, dizendo: ‘Vós me conheceis e sabeis de onde sou; eu não vim por mim mesmo, mas o que me enviou é fidedigno. A esse, não o conheceis, 29mas eu o conheço, porque venho da parte dele, e ele foi quem me enviou.’ 30Então, queriam prendê-lo, mas ninguém pôs a mão nele, porque ainda não tinha chegado a sua hora.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor!

Reflexão:

Jesusfoi perseguido e sabia de todo o perigo que o rodeava quando estava na judéia, mas momento algum perdeu a confiança em DEUS Pai, sábia que chegaria o momento certo, precisava cumprir o Plano de DEUS, formar seguidores e discípulos para nos guiar em todos os momentos de dúvidas, deixando assim exemplos de cristãos e profetas autênticos, cada um de um jeito para nos convencer que independente da nossa trajetória de vida é possível também sermos transformados em pescadores de almas para o reino de DEUS, só depende da nossa aceitação e abertura de nossos corações, decidindo seguir seus exemplos, que no mais Ele tudo fará,.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *