Segunda-feira da 25ª semana do tempo comum

Evangelho (Lc 8, 16-18)

Naquele tempo, disse Jesus à multidão:
16 Ninguém acende uma lâmpada
para cobri-la com uma vasilha
ou colocá-la debaixo da cama;
ao contrário, coloca-a no candeeiro,
a fim de que todos os que entram, vejam a luz.

17 Com efeito, tudo o que está escondido
deverá tornar-se manifesto;
e tudo o que está em segredo deverá tornar-se conhecido
e claramente manifesto.
18 Portanto, prestai atenção à maneira como vós ouvis!
Pois a quem tem alguma coisa, será dado ainda mais;
e àquele que não tem,
será tirado até mesmo o que ele pensa ter.’

 

Reflexão:

Queridos irmãos,

“Ninguém acende uma lâmpada para cobri-la com uma vasilha ou coloca-la debaixo da cama; ao contrário, coloca-a no candeeiro”.

Com este trecho bíblico do Evangelho de hoje, segunda da 25ª semana comum, quero introduzi-los ao objetivo desta leitura evangélica. Jesus falando à multidão de seus seguidores, pede-lhe que não guarde para si mesmo a luz de Deus que, pelo batismo e pela pregação, recebeu. Que não guarde e enterre os seus dons, as suas qualidades, afim de que seja para o outro, sal e luz, testemunho de fé e de escuta à voz de Deus.

O pedido de Jesus antes feito à multidão de seus seguidores, estende-se também a nós. Somos todos nós, homens e mulheres de fé, chamados a ser luz no mundo, portadores da novidade do Evangelho, um Evangelho novo e de luz, que dissipa as trevas do nosso erro. Assim seja. Amém.

Leandro Francisco da Silva

Pós-noviço salesiano

leandrofsdb@yahoo.com.br

Deixe sua mensagem para nós: