Comunicação

“Cristãos devem ser presença nos meios de comunicação. (Papa Francisco)”

Seguindo estas palavras, nossos corações sentiram-se chamados e nos colocamos a serviço de nossa Igreja e da Família Salesiana, em especial do Oratório São Luiz e Diocese de Lorena.

Assim iniciou-se nosso trabalho através da divulgação das celebrações eucarísticas de nossa comunidade, através de fotos e vídeos das homilias, para que quem assistiu possa recordar e quem não pôde estar presente, possa ter acesso a tão belas e inquietantes palavras dos diversos sacerdotes que por aqui passaram.

Como resultado, surgiu o site do Oratório com as postagens de todas as celebrações e como o chamado do Papa Francisco tem um âmbito bem maior, passamos a aproveitar o espaço também para inserção de dezenas de artigos para formação moral e cristã, para nosso crescimento e amadurecimento espiritual, familiar e comunitário.

Que este espaço de comunicação possa atrair sempre mais visitantes para juntos formamos uma Igreja mais ativa e participativa.

Equipe de Comunicação:

Salesiano Pós-Noviço: Leandro Francisco

Fotografia e Vídeo: Maria Fernanda e Júnior

Design e Administração do Site: Júnior

Colaboração: Richard

Mensagem do Papa Francisco sobre a importância da Comunicação nos dias de hoje:

Segundo as palavras de nosso querido Papa Francisco: “Nas últimas décadas, os meios de comunicação evoluíram muito, mas a solicitude permanece, assumindo novas sensibilidades e formas.

Pouco a pouco o panorama da comunicação foi-se tornando, para muitos, um ‘ambiente de vida’, uma rede onde as pessoas comunicam, alargam as fronteiras dos seus conhecimento e das suas relações. Sublinho sobretudo estes aspectos positivos, apesar de todos estarmos cientes dos limites e fatores nocivos que também existem”.

Neste contexto, independentemente das tecnologias, o Papa explicou que a comunicação na Igreja deve ter como objetivo inserir-se no diálogo com os homens e as mulheres de hoje, para compreender as suas expectativas, dúvidas, esperanças.

“São homens e mulheres por vezes um pouco desiludidos por um Cristianismo que lhes parece estéril, com dificuldade precisamente em comunicar de forma incisiva o sentido profundo que a fé dá. Com efeito, assistimos hoje, na era da globalização, a um aumento da desorientação, da solidão, a dificuldade em tecer laços profundos. Assim, é importante saber dialogar, entrando, com discernimento, também nos ambientes criados pelas novas tecnologias, nas redes sociais, para fazer emergir uma presença que escuta, dialoga, encoraja”, analisou.

“Esta presença é necessária para levar ao encontro com Cristo. A Igreja é capaz disto? Também aqui no contexto da comunicação, é preciso uma Igreja que consiga levar calor, inflamar o coração. Temos um precioso tesouro para transmitir, um tesouro que gera luz e esperança. E há tanta necessidade disso!”

“Queridos amigos, é importante a atenção e a presença da Igreja no mundo da comunicação, para dialogar com o homem de hoje e levá-lo ao encontro de Cristo, na certeza, porém, de que somos meios e que o problema fundamental não é a aquisição de tecnologias sofisticadas, embora necessárias para uma presença atual e válida. Esteja sempre bem claro em nós que o Deus em quem acreditamos, um Deus apaixonado pelo homem, quer manifestar-Se através dos nossos meios, ainda que pobres, porque é Ele que opera, é Ele que transforma, é Ele que salva a vida do homem”, concluiu.

Mensagem do Papa Francisco na Plenária do Pontifício Conselho das Comunicações Sociais (PCCS), em 21/09/13