No último final de semana, o Colégio Santa Terezinha recebeu o Festival da Juventude Salesiana (FEST). O Ginásio foi todo preenchido pelos mais de 3.500 jovens que presenciaram a Missa de Abertura presidida pelo Reitor-Mor dos Salesianos, o Padre espanhol Ángel Fernández Artime, 10º sucessor de Dom Bosco.

A programação do evento contou também com muitas outras atividades, como rodas de conversa, concurso de dança, teatro, oficinas diversificadas, esportes, demonstrações circenses, confissões, estandes vocacionais e roda de capoeira. O festival foi finalizado com a vigília.

Pedro Ocanha, aluno do Colégio Salesiano Santa Teresinha, estava participando do FEST pela segunda vez e o recomenda a todo mundo. “É uma experiência única, pois temos a oportunidade de fazer muitas amizades. Além disso, é algo que não tem maldade, é outra realidade se comparada ao mundo lá fora. Aqui as pessoas querem fazer o bem, querem a amizade e o amor das pessoas”, disse emocionado.

“Se isso for passado de geração para geração, podemos mudar o mundo. Falta isso nas pessoas e isso está presente aqui e nos Salesianos. Ser salesiano é isso”, completou Pedro. Diante de mensagens assim conseguimos afirmar que o festival é um sucesso e marca um dia de muita religiosidade e amizade entre os jovens salesianos.

Mikaela Vitória, da comunidade Salesiana de Pindamonhangaba, foi uma das dançarinas que integraram a coreografia de encerramento. Ela nos contou que o grupo teve um mês e meio de ensaios. “Espero que tudo saia bem e que seja um dia muito proveitoso”, declarou antes das apresentações.

Já Emilie Marchesi, do Instituto Salesiano de São José dos Campos, esteve no FEST três vezes e opinou que o evento é sempre magnífico, mas que essa edição é especial. “É um momento em que a gente pode entrar em contato com as outras casas, aprender o que eles estão fazendo e eles aprenderem com a gente. Mas neste ano, a presença do Reitor-mor deixou tudo mais magnífico e único. Está sendo simplesmente muito bom, pois são 300 anos de Nossa Senhora Aparecida.”

Lucas de Lara Sosi complementou o que Emilie dissera e lembrou que ficou um ano sem comparecer ao FEST e se arrependeu. “Estou achando sensacional, pois quando venho aqui entro em contato com tantas outras realidades, tantas outras casas e tenho a noção de quão grande é esse carisma salesiano e que Dom Bosco e Maria Mazzarello fizeram um trabalho sensacional, que vem só crescendo.”

Para finalizar, o Padre Ángel deixou uma mensagem a todos os jovens do Brasil: “Quero dizer duas coisas. A primeira, não tenha medo de seus sonhos e de seus desafios. A segunda, que deixe sempre que senhor siga tocando seu coração, essa é a garantia da felicidade.”

Fonte: http://www.salesianost.com.br/colegio/noticia/fest-reune-mais-de-3-500-jovens

Deixe sua mensagem para nós: